Sobre mim

Sou o Alexandre Figueiredo. Nasci em Manchester, no Reino Unido, a 5 de Julho de 1975, mas vivi toda a minha vida (menos os 2 primeiros meses) em Portugal.

Não, não sou filho de emigrantes ingleses. Os meus pais viveram 3 anos em Manchester, enquanto o meu pai tirava o doutoramento, e eu nasci no fim desse período. Por isso, curiosamente, apesar de ter vindo do Reino Unido, nunca lá fui.


Sou casado, desde 2008 e tenho dois filhos maravilhosos (a maior parte das vezes).

O Trabalho

Actualmente trabalho na VPS – Virtual Power Solutions onde faço tarefas muito variadas. De entre elas, as que desempenho mais frequentemente são:

  • Administração e manutenção de servidores aplicacionais Windows;
  • Administração e manutenção de servidores de bases de dados MS SQL Server;
  • Deploy e actualização de plataformas internas em .NET, Node.js e PHP/MySQL;
  • Administração e suporte à plataforma interna de Project Management e Bug/Issue Tracking (JIRA);
  • Desenvolvimento e manutenção da Knowledge Base interna (WordPress);
  • Suporte de 2ª linha a software desenvolvido para clientes;

As Motas

Adoro andar de mota. É já uma paixão antiga. No entanto, actualmente com dois filhos pequenos, a falta de disponibilidade e o excesso de responsabilidade têm impedido que eu me desloque em duas rodas tantas vezes como gostaria.

O bichinho começou cedo, a andar em motas de amigos e colegas. Os meus pais são difíceis de convencer e, como tal, não foi fácil ter a minha própria mota. Depois de tantos anos a pedalar por lazer e como meio de transporte, era quase uma obcessão poder continuar a passear em duas rodas com menos esforço físico. Viver na Elísio de Moura, permitia-me ir de bicicleta à Solum ter com os amigos com bastante facilidade, no entanto, as pedaladas do regresso eram dadas com bastante esforço.

Depois de alguns anos de insistência o esforço foi compensado e, quando já tinha 17 anos, os meus deram-me a minha primeira mota.

Actualmente tenho uma KTM Duke 620 mas já tive uma Yamaha DT50 LC, uma Yamaha DT125R, uma Yamaha XJ600N, e duas Yamaha YZF-R6.

As Escapadelas

Gosto de viajar e conhecer outros lugares. Infelizmente isto é praticamente incompatível com o pavor que tenho a voar. Por norma, não me sinto confortável a deslocar-me em qualquer veículo que não esteja a ser conduzido por mim, mas viajar de avião é um pesadelo pior do que qualquer outro. Estar metido num cilindro fechado, a muitas centenas de metros de altura, sem poder fazer nada caso haja algum problema, deixa-me completamente desesperado.

Já de barco, apesar de nunca ser eu o Capitão, e principalmente se for dos grandinhos, o sentimento é outro. Adoro! Já fiz duas viagens de cruzeiro (uma em lua de mel e outra em família) e espero poder vir a fazer mais algumas. Para além de poder conhecer vários locais (ainda que por pouco tempo em cada um) posso aproveitar o tempo de navegação e as animações/actividades no barco, que são o ponto alto para mim.

As Actividades

Mudando de assunto, sou praticante de Crossfit (ou cross training), modalidade desportiva pela qual me apaixonei há uns anos e que tenciono continuar a praticar enquanto o físico me permitir. Não me vou alongar muito aqui sobre este assunto porque já escrevi sobre ele neste site. E, já que cheguei aos hobbies, tenho que referir também, desde que mudei de casa, a jardinagem e a bricolagem cujas descrições tenciono desenvolver um dia destes em páginas específicas.

Redes Sociais

A minha actividade nas redes sociais, embora bastante activa num passado longínquo é, actualmente, praticamente nula. Não sou grande fã daquilo em que elas se tornaram. De qualquer das maneiras, aqui ficam as ligações.